13 sinais de que seu cão pode ter diabetes

50e69012f7ae89ee72070de9479a5c22Novembro é o Mês de Conscientização sobre a Diabetes nos Estados Unidos, e não apenas para os humanos, mas para nossos animais de estimação também. O reconhecimento e a propagação desta crescente epidemia nos cães é vital para ajudar seus donos a detectarem sinais e tratar a enfermidade a tempo. Siga lendo para mais informações.

Como reconhecer o diabetes em seu amigo fiel

A seguir, veja as informações sobre os sintomas que apontam que seu cão pode ter diabetes visitando o site PetMD:

1.    Muita sede. Tomar mais água que o normal, sintoma conhecido como polidipsia, é um sinal de diabetes.

2.    Urina com mais frequência. Quando seu cão urina muitas vezes no decorrer do dia, ou acontece algum “acidente” doméstico pode significar que ele desenvolveu poliuria, outro sinal de alerta precoce de diabetes, que pode vir lado a lado com a polidipsia.

3.    Aumento de apetite. Se de repente seu cãozinho parece que está constantemente morrendo de fome, mesmo que receba a mesma quantidade de comida (polifagia), e mantém, ou perde peso, apesar de ter aumentado a ingestão de alimento, pode ser também um sinal de diabetes.

4.    Perda repentina de peso. Apesar de um animal diabético mostrar que está mais faminto do que nunca, a perda de peso repentina é uma ocorrência comum, porque o diabetes costuma causar um aumento no metabolismo.

5.    Obesidade. A obesidade pode favorecer o surgimento do diabetes. Então, se o seu cão está obeso, fique alerta a qualquer sintoma de diabetes.

6.    Debilidade, cansaço. O diabetes pode causar uma sensação de desânimo geral, e o cão fica menos ativo ou dorme mais que o normal.

7.    Seu pelo fica ralo e opaco. Quando os pelos ficam finos, secos e opacos, principalmente na parte posterior, é geralmente sintoma de alguma doença, incluindo o diabetes. Consulte um veterinário para determinar a causa.

8.    Vista turva. Complicações comuns nos cães com diabetes são cataratas e olhos turvos. Se a catarata não for tratada, poderá evoluir para uma cegueira.

9.    Depressão. Um sinal tardio de diabetes nos cães é a cetoacidosis. Quando o corpo não consegue utilizar o açúcar (glucosa) como fonte de energia devido à pouca ou nenhuma insulina, utiliza a gordura. Quando a gordura é quebrada para fornecer energia ao seu corpo, químicos chamados cetonas se acumulam, como exlica o site MedlinePlus. Em grandes quantidades, as cetonas são tóxicas, e este desequilíbrio no corpo de seu cão, pode causar depressão.

10. Cetoacidose. Outro efeito secundário da cetoacidose é o vômito. A cetoacidose é mais comum em cães mais idosos e em mulheres. Dachshund e Poodle, raças pequenas, são mais propensas.

11. Respiração “adocicada“ ou com aroma de frutas

12. Infecções do trato urinário

13. Infecções crônicas na pele.

E lembre-se : Não deixe de consultar o veterinário se perceebr algum desses sinais em seu cãozinho.

 

Yahoo

29/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0