Em ato na orla de Maceió, manifestantes pedem impeachment de Dilma Rousseff

0cb88846-24eb-4d68-87b6-ff6d4a9b8f1e

Manifestantes se reúnem desde o início da manhã deste domingo (13), perto do antigo Alagoinhas, na orla da Praia de Ponta Verde, em Maceió, em um ato denominado “esquenta Dilma” pelo impeachment da presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

Com cartazes, faixas, diversas bandeiras do Brasil e dois trios elétricos, além de vários bonecos infláveis com a caricatura do ex-presidente Lula, eles se revezam entre cantar o Hino Nacional e gritar palavras de ordem contra o governo federal.

Um dos organizadores do ato, o engenheiro civil Josan Leite, acredita que a manifestação mobilizará até às 14h deste domingo cerca de 2 mil pessoas.

“Estamos aqui contra esse governo incompetente, contra a Dilma e lutando pelo país. Ainda não sabemos quando vai ser o próximo ato, mas temos a certeza que cada vez mais todos estão acordando contra tudo isso que o país está passando”, diz.

A aposentada Valdice Almeida, de 69 anos, disse que sempre participa das manifestações no movimento pró-impeachment.

“Faço questão de me acordar cedo num domingo, mesmo estando um pouco doente. Mas é porque o Brasil precisa de mim e as outras gerações precisam viver de uma forma mais digna, com uma política mais honesta”, ressalta.

Duas guarnições Polícia Militar (PM-AL) estão no local acompanhado o ato. Agentes da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito também se fazem presentes controlando o fluxo de veículos na região.

Contra a corrupção

Durante a manifestação, também estão sendo colhidas assinaturas para uma petição de um projeto de lei (PL) de cunho popular contra  corrupção.

*Colaboradora

Cada Minuto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0