Funcionários do Palácio Guanabara, no RJ, são liberados por causa do calor

Servidores contam que sistema de ar-condicionado não está funcionando regularmente; governo nega. Sensação térmica registrada na cidade foi de 45,5°C.

A crise financeira do Estado também está trazendo consequências para os funcionários do Palácio Guanabara, sede do governo estadual, em Laranjeiras, na Zona Sul do Rio. Nesta segunda-feira (12), funcionários que trabalham no local sofreram com o forte calor em algumas salas, já que, segundo eles, o sistema de ar-condicionado não estaria funcionando regularmente.

A assessoria de imprensa do Governo disse que o ar-condicionado central do Palácio Guanabara funciona normalmente, mas que a o forte calor fez com que a sensação térmica do ambiente ficasse mais alta. Por causa do calor, alguns setores chegaram a liberar os funcionários.

O Governo informou que técnicos da Superintendência de Engenharia e Manutenção da Casa Civil (Supem) já trabalham para melhorar o rendimento do equipamento. E lembrou que não possui contrato de manutenção com nenhuma empresa.

Depois de um domingo (11) com sensação térmica perto de 50°C, a segunda não começou muito diferente no Rio. Às 9h45, a sensação térmica chegou a 45,5°C na Barra da Tijuca, segundo o Alerta Rio. A maior temperatura foi de 33,7°C, também na Barra.

O Palácio Guanabara é tombado pelo Instituto Nacional de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e foi residência da Princesa Isabel e do Conde D’Eu durante o Império. A partir da República, foi transferido para o patrimônio da União.

globo

12/12/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0